Grupo de pesquisa desenvolve aplicativo para refeitório

Grupo de Pesquisa Desenvolvimento de Aplicativos Móveis com MIT App Inventor/Arquivo Pessoal

Em meio aos recursos de mediações proporcionados pelas novas tecnologias da comunicação, a criação de aplicativos tem se tornado cada vez mais comum em meio a área tecnológica, o que viabiliza o acesso a inúmeras informações. A partir dessa necessidade, estudantes do Instituto Federal Farroupilha do Campus São Vicente do Sul (IFFar/SVS), que participam do grupo de pesquisa Desenvolvimento de Aplicativos Móveis com MIT App Inventor estão desenvolvendo um aplicativo que proporciona melhorias na qualidade de serviços prestados aos que frequentam o restaurante institucional.

Grupo de pesquisa Desenvolvimento de Aplicativos Móveis com MIT App Inventor/ Arquivo pessoal

Com o avanço e o desenvolvimento da internet, a informação está disponível em qualquer lugar e, para acessar com maior mobilidade, surgiram os dispositivos móveis, que são aparelhos eletrônicos que possuem funcionalidades semelhantes a um computador pessoal (PC), porém, com tamanho reduzido.

O IFFarr/SVS desfruta de um refeitório que é ofertado aos servidores e alunos, no qual a divulgação do cardápio semanal é realizada através do envio de e-mails institucionais e cartazes impressos anexados nos murais, espalhados pelos setores, tornando difícil informar alguma mudança do cardápio em casos eventuais que possam surgir. Assim, com o desenvolvimento desse aplicativo, com nome ainda indeterminado, é possível realizar atualizações no cardápio instantaneamente, além de permitir também consultas simultâneas realizadas pelos usuários do restaurante da instituição.

Renan Machado/Arquivo Pessoal

“Atualmente, o cardápio é disponibilizado para nós alunos por meio dos murais, mas muitas vezevisados. Então, como estudante do IFFarr/SVS posso afirmar que o aplicativo vai beneficiar a comunidade acadêmica com a disponibilização do cardápio do nosso refeitório, se tornar mais uma força de informação, no campus de São Vicente do Sul”, esclareceu o acadêmico do curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Renan Machado.

Um dos participantes do projeto e também estudante do curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Roger Denardi esclarece que o aplicativo, a priori, será utilizado somente no campus do IFFarr/SVS. O acadêmico afirma ainda que se sente feliz em participar do projeto Desenvolvimento de Aplicativos Móveis com MIT App Inventor, que gerou esse resultado e incentiva os alunos dos cursos da área de informática a desenvolver aplicativos móveis que satisfaçam necessidades encontradas nos setores administrativos da instituição.

Roger Denardi/Arquivo Pessoal

“É um projeto interessante e envolve um tema atual da área de tecnologia da informação chamado “mobilidade”. Neste semestre da graduação estou tendo a disciplina ‘programação para dispositivos móveis’ com o professor Daniel Boemo e estou gostando muito da plataforma Androide. Como estamos ainda desenvolvendo o aplicativo, inicialmente pensamos em utilizá-lo no campus, porque sua base de dados ficará armazenada no servidor do Centro de informática Educativa e Tecnológica do Instituto”, ponderou Roger Machado Denardi.

Para poder utilizar os recursos providos por este aplicativo: cardápio do dia/semana, avaliar a qualidade da alimentação, oferecida como uma forma de feedback, para elevar a comunicação horizontal entre a comunidade de ensino é necessário que estes aparelhos utilizem um sistema operacional, como o Android ou Windons. Diante disso, o equipamento funcionará de uma forma eficiente e permitirá as instalações de aplicativos distintos, que auxiliam nas mais diversas atividades, tal como a disponibilização de um cardápio de um refeitório. Assim, na medida em que surge uma mudança, a ideia é que o aplicativo lance uma notificação nos dispositivos em que ele esteja instalado, e os usuários fiquem sabendo instantaneamente o que foi modificado no cardápio e qual refeição terá no referido turno.

Segundo o orientador do projeto, professor Gustavo Rissetti, ao longo da pesquisa os estudantes participantes se mostraram bastante motivados, buscando informações e tecnologias disponíveis para a realização do projeto. O professor ressalta ainda que opção pelo uso do MIT App Inventor foi feita por se tratar de uma ferramenta livre e que não exigia conhecimentos aprofundados de programação para dispositivos móveis.

“No andamento do projeto foi observado que como tal ferramenta seria possível então realizar o aplicativo requerido. A partir disso, os estudantes iniciaram o desenvolvimento, e espera-se aprimorar o aplicativo e criar novos aplicativos que auxiliem em atividades da instituição nos próximos semestres utilizando-se outras ferramentas e tecnologias, como desenvolvimento em forma de sistema web responsivo, com utilização de JavaScript e CSS, dentre outras tecnologias”, conclui Rissete.

Como Funciona

A tela inicial do aplicativo foi desenvolvida com base no cartaz impresso de exibição do cardápio, organizada por dias da semana, de segunda-feira a domingo. Possui uma lista de opções referente aos dias da semana e o clique do usuário em uma destas opções são apresentadas informações das refeições do dia correspondente. Na opção dessa lista, a tela exibe informações sobre os alimentos que compõem a refeição do dia escolhido (arroz, feijão, saladas variadas, etc). O aplicativo busca as informações na base de dados do sistema web feito em PHP (“PHP: Hypertext Preprocessor”, originalmente Personal Home Page) e as redireciona ao solicitante, por meio do aplicativo.

Esborço das Telas do Aplicativo/Arquivo Pessoal

O botão “Avalie o Refeitório” (imagem acima) é uma funcionalidade implementada para a avaliação da alimentação, serviços e infraestrutura do mesmo. Para que o aplicativo busque os dados requisitados, é inserido no sistema as informações referentes a data e os alimentos que compõem as refeições de cada dia.

Sistema Web

O sistema web foi desenvolvido na linguagem de programação PHP em conjunto com a base de dados feita no sistema gerenciador de banco de dados MYSQL. O sistema possui uma tela de login que, após a validação de usuário e senha, é exibido a tela de cadastro das refeições.

Esborço gráfico do Sistema Web – Tela de Cadastro de Refeições/ IFFarr/SVS

Fases do projeto

O projeto é desenvolvido em 5 etapas: levantamento de requisitos, definição do projeto, desenvolvimento, testes e implantação. Porém, antes de desenvolver as aplicações, foi feita uma pesquisa para levantar possibilidades ou problemas que afetam determinados processos no fluxo de trabalho dos setores. Após o levantamento de informações, foi discutido e percebido que o refeitório da instituição necessitava de uma aplicação que melhorasse a forma de divulgação do cardápio.

Para além dos estudantes, professores e técnicos – usuários do restaurante, os profissionais que trabalham no refeitório aprovam a ideia do aplicativo, pois segundo eles melhorará o modo como é transmitido as informações para quem utiliza esse recurso ofertado pelo Campus, podendo serem atualizadas e visualizadas em tempo real.

“O aplicativo vai nos ajudar com o número de pessoas que vão usar o refeitório, relacionando esse número com o número do cardápio do dia. A avaliação dos recursos ofertados pelo refeitório ajudará para saber no que precisamos melhorar”, pontuou o servidor do refeitório institucional Bruno da Cruz Carvalho.

 

Inácio de Paula
Eduardo José Lenz Naue
Redação Jornalística II

Faça o primeiro comentário a "Grupo de pesquisa desenvolve aplicativo para refeitório"

Deixar uma resposta